Folhas publicadas

sábado, 16 de junho de 2012

23:00h... É muito tempo até as 07:00h. Vou continuar sozinha até lá, mas com a certeza de ser acordada no susto, como fui hoje. Ora, mas foi um beijinho apenas. Como isso pode te assustar?
Wesley consegue ser mais fofo a cada dia que passa. Te amo, visse? Rsrs.. ♥

Não sei o que vou fazer até a hora de ele chegar. Provavelmente vou assistir TV ou jogar Song Pop. Talvez durma antes da noite virar, talvez nem isso. Só espero que seja breve essa espera.

Daqui há 10 dias vamos comemorar mais um mês juntos. Uhul! 

....

sábado, 9 de junho de 2012

Ontem, antes de voltar para casa dos meus pais, recebi uma notícia que desejei nunca receber: Pingo morreu, visse?
Pingo era o meu cachorro de estimação, eu não o via ha duas semanas... Ela estava com uma doença do coração e acabou não resistindo. Meu cachorro passou onze anos dedicando a sua pequena grande vida a todos nós. Minha adolescência inteira, todo o processo de aprendizado, formação de conceitos, sentimentos, tudo eu aprendi e me confortei nos conselhos que ele me dava mesmo sem falar nada, bastava deitar no meu pé e deixar que eu chorasse.
Não quero estender esse post a ponto dele virar um livre muito parecido com Marley e eu ou com o filme Meu cachorro Skip, até porque ele é incomparável. Pingo não era um cachorro, era um anjinho muito do esperto.
Estou querendo ser forte, mas não dá. Achei melhor passar de uma vez por todas por essa fase ruim, de desapego para que ele descanse em paz.


















Obrigada, Pingo! ♥

sexta-feira, 8 de junho de 2012

Ler, estudar e escrever... E enquanto o meu último dia de aula se aproxima, a greve continua. Bom, espero que ela não volte cedo, assim poderemos ir para o FIG! Isso é, se sair uma programação digna de Festival, não é?

Hoje é dia de voltar para Recife, mas... Sinto uma vontade enorme de ligar p'ros meus pais e dizer: oi. só volto domingo. Fala sério, depois de chocolate, conchinha, beijinhos e carinhos, eles acham mesmo que eu quero voltar para casa? Rsrs...

♥ Nhac


"E se eu falar que você é tudo o que eu sempre quis pra ser feliz, você vai pro lado oposto que eu estiver?" Macaé

Saiu a minha participação no blog Discordioteca, uhul! Escrevi uma resenha sobre Clarice Falcão. É pequenininha, mas essa menina é fofa e deixou meu texto fofo, rs. Espero.

O link é esse aqui:Interlúdio da Discórdia: Clarice Falcão

quinta-feira, 7 de junho de 2012

Acordar é tão chato quando não tem ninguém do lado para cutucar. Isso serve para o ato de dormir também.
O único conforto é que Wesley chega logo. ^^

Acordei com uma vontade tão grande de escutar Ana Carolina, aquela Ana do passado, que rói rói rói, que toca até cansar os ouvindos de quem escuta rádio... Tô ouvindo. Música? Confesso.

"Não vou querer ser o dono da verdade. Também tenho saudade, mas já são quatro e tal..."

Preciso de foco, foco. foco!

....

Ah! Escrevi uma resenha para o Discordioteca. Uhul! Depois posto aqui.

Beijo.

quarta-feira, 6 de junho de 2012

A inspiração voltou! Rsrs...

♥ Meu bem me ajuda com o texto, roteiro, tudo e eu lhe dou alguns beijinhos. Haha. Meu blog pode ser chamado de diário também.

Estamos escutando Sóley e imaginando uma forma de colocá-la na trilha do espetáculo que passou a ser curta-metragem. As ideias ainda estão surgindo, mas estamos finalizando o texto. As características vicerais dos personagens já foram idealizadas, um pouco do cenário, fotografia (quase) e a sonoplastia está dando um pouco de trabalho. Preciso conversar com quem realmente entende do assunto. Esse trabalho ainda não tem nome, mas espero que pessoas boas trabalhem conosco para aproveitarmos bem essas ideias.
Yep! ^^
Dois dias, não? Foram bem mais do que eu imaginei. Mas ainda não voltei para passar mais de dois dias na casa dos meus pais.
Ultimamente, com essa Greve dos diabos, tenho tempo para estudar mais; e acabei começando a escrever o que deveria ser um monólogo, mas se tornou um diálogo. Não sei o rumo que isso vai tomar, espero que pelo menos, chegue ao palco.
Como não fui nem sou dotada de inspiração, vou acabar essa postagem do jeito que comecei, certo?

...